Catedral Evangélica

Localização

Catedral Evangélica
R. Nestor Pestana, 152 – Consolação, São Paulo/SP
Categoria

Data

24 fev 2018

Tempo

09:00 - 12:00

Seminário: Os 7 pontos do Manifesto

Este primeiro evento do Movimento Reforma Brasil em 2018 tem como proposta debater e aprofundar os 7 pontos do Manifesto lançado em 31 de outubro de 2017. Para isto, foram convidados especialistas da área jurídica, cientistas políticos e jornalistas que falarão sobre cada ponto e responderão as perguntas dos presentes.

VAGAS LIMITADAS! Necessário inscrição individual no link: www.goo.gl/dyPCkX

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO ABAIXO:

– Abertura: Percival de Souza, jornalista.

– Ponto 1: “Fim do foro privilegiado” – Moacir Húngaro, advogado.

– Ponto 2: “Fim das reeleições sem limites para o legislativo” – Gilberto Ribeiro dos Santos, advogado, presidente do Instituto dos Juristas Cristãos do Brasil.

– Ponto 3: “Fim das emendas legislativas no orçamento da União” – Maria Elisa F. Curcio Pereira, advogada.

– Pontos 4 e 5: “Criação do voto distrital  e  racionalização do tamanho, da proporcionalidade e dos custos da representação política na esfera da União, dos Estados e dos Municípios” – Helena Cecília Calado Teixeira, advogada e membro do Ministério Público do Estado de São Paulo.

– Ponto 6: “Redução da influência do dinheiro no financiamento das campanhas eleitorais, criando condições mais competitivas entre os candidatos e os partidos” – Felipe Courel Cury, advogado, consultor e membro da Comissão de Contencioso Administrativo Tributário da OAB/SP.

– Ponto 7: “Aprimoramento dos mecanismos de nomeação e aprovação para os tribunais (Supremo Tribunal Federal, Tribunal Superior Eleitoral e Tribunais de Contas de União, Estados e Municípios)” – Clóvis de Gouvêa Franco, advogado, presidente da Gouvêa Franco Advogados.

– Encerramento: Vitor Oliveira e Marcelo Issa  – cientistas políticos, fundadores do Movimento Transparência Partidária.

Horários da Programação

-
Abertura
Percival de Souza, jornalista
-
Ponto 1
“Fim do foro privilegiado” – Moacir Húngaro, advogado
-
Ponto 2
“Fim das reeleições sem limites para o legislativo” – Gilberto Ribeiro dos Santos, advogado, presidente do Instituto dos Juristas Cristãos do Brasil
-
Ponto 3
“Fim das emendas legislativas no orçamento da União” – Maria Elisa F. Curcio Pereira, advogada
-
Pontos 4 e 5
“Criação do voto distrital e racionalização do tamanho, da proporcionalidade e dos custos da representação política na esfera da União, dos Estados e dos Municípios” – Helena Cecília Calado Teixeira, advogada e membro do Ministério Público do Estado de São Paulo
-
Ponto 6
“Redução da influência do dinheiro no financiamento das campanhas eleitorais, criando condições mais competitivas entre os candidatos e os partidos” – Felipe Courel Cury, advogado, consultor e membro da Comissão de Contencioso Administrativo Tributário da OAB/SP.
-
Ponto 7
“Aprimoramento dos mecanismos de nomeação e aprovação para os tribunais (Supremo Tribunal Federal, Tribunal Superior Eleitoral e Tribunais de Contas de União, Estados e Municípios)” – Clóvis de Gouvêa Franco, advogado, presidente da Gouvêa Franco Advogados
-
Encerramento
Vitor Oliveira e Marcelo Issa – cientistas políticos, fundadores do Movimento Transparência Partidária.